terça-feira, 11 de novembro de 2008

Receita.

-É mais ou menos assim: Você me abraça desse seu jeito, (como quem carrega o mundo) me enche do vazio que te transborda, de todos os beijos guardados e refeitos que substituem palavras, da tua sede de mim. Deixa que o dia lá fora fique lá fora, e que os olhos de fora fiquem de fora, e que os ponteiros protestem a tua ausência. Esconde meus braços dentro dos teus, e me rouba. Entendeu? Depois me deixa correr e voltar por mim, me prende no teu silêncio, me faz anoitecer e perder as idéias sem que eu explique ou suspire. Me olhe como quem vê apenas a mim e me toma o fôlego todo, sem me deixar escolha ou palpite. Aí você me dá deste gosto que sai de ti, vai embora e me deixa pensando em tudo que não ouvi e em toda esta coisa que vem de você. Sem palavras, sem alarde. Simples assim.

23 Piruetas.:

susan soares disse...

Amei e vamos aprendendo ^^

bjokas querida... tudibom pravc

bjs da suh

Dani disse...

Que "receita" inspiradora, dá até vontade de se arriscar e fazer o "bolo" :P

" e me deixa pensando em tudo que não ouvi e em toda esta coisa que vem de você..." Lindo isso!!

Beijos

Jaya disse...

Calma aí que eu tô anotando, Ká. Fala devagar, pra eu não me perder e saber reproduzir direitinho na hora certa. Acho que dá um doce bom. Sobremesa e pá! Rs.

E essa foto [que ilustra o texto], de tão real, parece minha, de uns anos atrás. Incrível isso!

Bom, agora eu vou. Receita anotada. (:

Beijo nocê, aí nas bandas debaixo.

[Tão louco, isso. Estamos em extremos opostos, Ká. Chega dá uma coisa, olhando no mapa. E ainda assim, a gente se encontra. Se mistura. Viva a internet!].

Glau Ribeiro disse...

Ká,

A receita é infalível e eu acho que conheço os pés (ou sapatos) dessa foto. rs!

Mas entãããão, eu voto pra que as coisas se tornem simples assim, do jeitim que você descreveu. Quem tá comigo põe o dedo aqui!!

Eu faço igual, Jaya... Anoto tudo que é pra nem esquecer. Que é pra descomplicar tudo quando a complicação chegar! ;)

Beijo, fofura!

p.s.: Já gosto demaais daqui também, viu. Carinho que você me dá é recíproco a vida toda! =)

Beeeijo!

Lizzie disse...

Ih, vou anotar essa receita!Rs.
Amar com reciprocidade é bom demais mesmo.
Post bem escrito e a imagem dos all star's é linda!

Beijocas
Tenha uma ótima quarta!
www.lizziepohlmann.com

jeffao_araujo disse...

nossa, que receita.
me fez até suspirar.
a cada dia que passa vc tá melhor.
bjus

Mr. Ziggy disse...

Belos ingredientes! Você me parece ser boa em assuntos de culinária. Beijos!

.Dazinha. disse...

Aiaiaiaiaia.
E sempre que te leio fico mais apaixonada pelas coisas ao meu redor.
Adoro o seu jeito de colocar as palavras e os sentimentos.

Beijos e beijos

Nanda disse...

Diz isso para o (meu) ele?
Porque quando eu digo ele não faz.



¬¬


Beijõõões

Filipe Garcia disse...

Oi Ká,

receita perdida, essa. Oxalá o amor fosse simples e puro pra todos, como num simples dar-de-mãos.

Sua poesia é bonita, eu já disse isso e repito mais tantas vezes quanto for possível; sou bom com essas coisas de mantra, rs.

Um beijo, frôr!

Pri C. Figueira disse...

Simplesmente lindo!!

Receita anotada nos mínimos detalhes..rs
Ah, como sempre seus textos são tão doces, tão lindos, tão puros! Não esqueça, quando escreveres teu livro, um vem para Rio Grande!!

Bjus linda, saudadessss!

Amo vc!

Lara disse...

Que lindo esse texto! Muito bom mesmo. Adorei seu blog. Bom FDS!
beijo

Andréia disse...

nossa.. Receita para ser devorar ao pé da letra hein

Soraia Alves disse...

ahhhh...
essa foto eh tudoooo!

=)

vou add vc no meu novo blog okey?!

beijoooo

l u a . disse...

ei, môça.
você muito veio na minha casa, e eu num tinha vindo aqui. sabe o que é.? eu tinha entrado no seu perfil, e num via o nome do blog, nada. aí, achei que tu só lia, o dos outros. e botava tua palavra pra fazer sorriso, e presença.

a tua casa é linda, também. as cores, as margens, o prêto-e-branco. e doce, tão dôce.! lugar lindo de ver.
daí, quero ficar sendo daqui, também.

e tua palavra, é pra lá de linda. de uma doçura que escorre.
(feito fruta madura).

beijo.

ALF disse...

Ô Karine, que poética. O texto é tão amoroso que nos faz levitar e conhecer esse amar.
Que doçura, que envolvento. Tão singelo, delicado, que na sua naturalidade encanta imensamente o nosso coração.

Ah, que lindo Karine.

:]

Beijo
e Flor pra ti.

raai. disse...

cara, eu amei, amei mesmo ._.


*-*
na verdade é sempre assim, sempre que ficamos conosco perguntamos o que mais poderia ser dito enquanto estavamos com outra pessoa :~


;***

Maria Fernanda disse...

Pra quê complicar o amor, não é?

will disse...

Tenho quase certeza que o segredo da receita você não pôs aí. Então cada um terá que descobrir o seu próprio.

Victor Canti disse...

bela receita, e podemos ainda adicionar mais temperos à gosto...rs
bjs
bom fds!!

Quase quase tudo quase nada disse...

ahh que receita mais lindaaaa ....deve ter sabor delicioso...srs!

xeroo fofix!!

*Lusinha* disse...

Tão lindo! Vou fazer esse convite a uma pessoa.
Bjitos!

Jaya disse...

Eu vim só brigar, mesmo.

Baaaaaaaaah, guria! Cadê você?
¬¬

Rs.

Saudades, Ká.

Beijos.

 

Blog Template by BloggerCandy.com