quinta-feira, 20 de novembro de 2008

101 coisas sobre mim que nem todos sabem.

Indicação da Jaya, que já ganhou espaço no meu coração.
Bem gente, é difícil, pois não sei falar muito de mim. Mas vamos lá.


1- Me chamo Karine. Há pouco tempo que comecei a colocar meu nome aqui no blog, antes era só "Ká". Motivo? Nem eu sei.

2- Tenho 19 anos e faço 20 dia 15 de dezembro. Sim, está perto. Embora eu ame meu aniversário costumo ficar triste quando ele chega. Já tentei evitar, mas sempre acontece. Faço contagem regressiva quando falta um mês, portanto, a contagem já está correndo. Como percebem, é 10 dias antes do Natal, o que me traz lembranças de ganhar apenas um presente pelas duas datas (=[). Mas como eu amo Natal também acabo relevando.

3- Sou gaúcha. Da capital do RS. E amo isso.

4- Sou gremista, daquelas que torcem mesmo. E amo isso.

5- Ao contrário do que todos pensam, não é sempre frio aqui. No sul também tem verão, os termômetros também passam dos 30º e eu amo praia.

6- Já como todos pensam, no Sul o inverno é rigoroso sim. Eu não gosto muito porque acho que as roupas me atrapalham os movimentos. Para mim o frio é bom, mas o calor (sem excesso) é melhor.

7- Amo dormir embora não o faça muito. Sou friolenta, portanto preciso de um cobertor, salvo no caso de muito calor. Gosto de dormir ao som da chuva, daquelas bem fininhas.

8-Ônibus me dá sono. Principalmente porque eu os pego nas horas mais tediosas. Mas eu não consigo dormir nas viagens por medo de passar da parada!

9- Estou no 4º semestre do curso de Letras. Motivo? Literatura e desejo de lecionar.

10- Tive que fazer duas vezes o pré porque ainda não tinha idade para entrar na 1ª série.

11- Em compensação, quando entrei na 1ª série já sabia ler ^^.

12- Quando estava na 2ª série fui morar no interior. Morei um ano inteiro num lugar no meio do nada, onde eu viajava para ir à escola e minha casa ficava no meio de duas lagoas e perto do mar. Lá eu aprendi a dirigir trator, mas não me peça para fazer isso hoje pois certamente eu não sei mais!

13-Troquei de escola 4 vezes. Nunca rodei e nem tirei notas baixas, mas já me apertei em provas de Física.

14-Odiei e continuando não tendo muito afeto pela matemática e a física.

15-Meu primeiro diário foi com quase 8 anos. De lá para cá tive vários. Sim, eu ainda tenho, embora não escreva sempre. É que preciso escrever de mim.

16-Quando a Covardia se encontrou com a Valentia eu nasci. A primeira é meu pai e a segunda minha mãe. Vivo com a Valentia, pois a Covardia temeu a vida e fugiu. Mas nem por isso é menos amada.

17- Eu tive vários cadernos de versos e alguns guardo até hoje.

18- Já desfilei e quase fui metida a modelo. Mas não é pra mim, era coisa da mãe da gente, sabe?

19-Já passiei por extremos como ter coleção de roupas nas gavetas e falta de comida nos armários.

20-Fui uma criança muito agitada. E ainda sou.

21-Já apanhei por quebrar a mesa de vidro da minha mãe, já tentei fazer greve de fome no meu quarto, já cai na valeta por querer atravessá-la de bicicleta colocando um pedaço de madeira nas extremidades, já bati o carro do meu pai contra um muro (de leve gente, mal arranquei) só para chamar atenção dele.

22-Eu gostava de brincar de boneca e jogar bolita. Minha mãe sempre brigou comigo porque eu gostava demais destas brincadeiras de moleque e sempre voltava com as roupas imundas para casa.

23- Sempre fui muito sociável. Certa vez minha mãe ficou uma fera porque depois de ela montar a piscina de plástico no pátio, eu saí convidando todos da rua para tomar banho.

24- Sou cristã desde os 16 anos. Evangélica mesmo. E a melhor coisa que já fiz na minha vida foi encontrar Jesus.

25- Eu gostava de Backstreet Boys, e o meu favorito era o Nick. Mas eu não queria casar com ele e sim com o irmão dele -Aaron- devido a idade. Nem sei por onde andam hoje.

26- Eu gostava das Chiquititas, e a minha favorita era a Maria (aquela que era muda). Contraditório, ãhn?

27- Antes que você se pergunte o porque do "contraditório" eu digo: Gosto de falar.

28- Embora eu goste de falar, não é com todo mundo. Tenho meus discursos e meus silêncios.

29- Tenho também meus momentos de tristeza, quando preciso ficar só. Individualidade é uma palavra muito importante para mim.

30- Ao contrário de muitos, não me irrito quando criticam minhas crenças. É que eu respeito muito as pessoas, até as que me desrespeitam. Deus para mim é fato, é real, é presente. E isso não muda.

31- Eu danço. E amo dançar. Comecei a dançar com uns 5 anos (danças tradicionalistas). Hoje eu danço ballet, jazz, dança tradicionalista e o que o som tocar.

32- Quando eu danço tudo na minha volta some. E para mim escrever é como dançar e vice-versa. Eu vôo, canto e escrevo quando danço. Sabe aquela sensação de entrar em um livro que você muito ama? Pois bem, é como dançar.

33-As primeiras moedas que eu ganhei por mim mesma foram com a escrita. Lá pela 4ª série, eu escrevia versos para colegas colocarem em cartinhas e cobrava uns R$ 0,10 por isso. Também fazia desenhos e cobrava mais 5 centavos se fossem coloridos. Faro para negócios, ãhn?

34-Nesta época fiz um poeminha sobre o Rio Grande do Sul para uma aula de História e minha professora me fez lê-lo no ato cívico da escola. Quase morri de vergonha.

35- Falando em História, quase que fiz este curso ao invés de Letras. Historiadores, eu os admiro.

36- Eu não me irrito fácil. Isto costuma ser um processo lento. Mas acredite, quando ele acontece é porque realmente foi preciso.

37- Não consigo ficar chateada com alguém por muito tempo. Já até tentei, mas não gosto de ficar "de mal". Eu perdôo facim, facim.

38- Eu já rompi os ligamentos do pé váriasssss vezes e tinha ficha ativa na Urgetrauma. Geralmente eu torcia o pé em escadas.

39- Já fiz capoeira, mas mesmo assim não consigo dar uma estrelinha.

40-Sobre o amor, ele não costumava ser muito meu amigo. Hoje ele é em forma de gente: Júnior, meu namorado.

41-Eu costumo amar com muita facilidade as pessoas ao meu redor. Isto é bom e também ruim. Bom porque gera amigos sinceros, ruim porque nem todas as pessoas são transparentes.

42- Eu sempre gostei de rosa, mas só agora posso usá-lo. É que eu tenho uma prima um ano mais velha e quando criança ganhávamos coisas iguais. Mas as de cor rosa sempre eram dela e as amarelas, verdes e laranjas minhas.

43- Esta história do rosa gerou boas lembranças. Como a vez em que eu quebrei o balde de praia dela porque o meu era amarelo.

44- Eu já aprendi a tocar violão. Mas parei. Por quê? Falta de tempo, amo violão.

45- Eu já cantei em eventos. Mas também parei. Por quê? Ah, acho que não é pra mim.

46- Eu demoro para dormir porque fico pensando em tudo que aconteceu (e que eu gostaria que tivesse acontecido) durante o dia. E sonho praticamente todas as noites (sério)! Acho que meu sono é um pouco agitado.

47- Sou viciada em livros, material escolar e pulseiras.

48- Nunca consigo ter o mesmo brinco por mais de 2 meses. Eu sempre perco.

49- Eu sempre saio frustada das aulas de ballet. Mas é uma frustação momentânea, logo eu me recupero.

50- Eu sonho -e sonho muito!-.

51- Eu criei o "Inegociável" após ouvir o relato de uma pregação que falava sobre o valor único de cada pessoa e a autonomia que temos de nos deixar vender por coisas fúteis ou não. Aí pensei que há muitas coisas em mim que mesmo sem conhecê-las não são negociáveis. Por isso a legenda: "Há em mim um "pós" não vivido..."

52- Dificilmente vocês irão achar algo totalmente biográfico por aqui. Me chateio quando as pessoas confundem. As vezes vejo, leio ou imagino algo sobre o que escrevo. Outras, simplesmente flui. Logo, raramente terá algo "totalmente Karine" aqui.

53- Eu costumo não gostar do que escrevo e publicar sem reler. Estou tentando mudar.

54- Acho meus textos melosos e às vezes bregas. Digo isso porque sou romântica demais e sou minha principal crítica por isso. Já tentei escrever textos diferentes disso, mas sempre tem um "quê" romântico...

55- Tenho crises de "Dom Quixote", me encontro em quase tudo que leio.

56- Meu primeiro tombo no ballet foi no meu primeiro solo. Eu entrava com um salto para trás e quando fui saltar meu pé torceu. Eu levantei e dancei (mesmo sem conseguir fazer os movimentos certos e morrendo de dor) e depois fui direto pro hospital. Foi trágico mas aprendi muito com isso. A vida também é assim e a música não pára para que você se recupere. Vieram outras danças, outros solos e claro, outros tombos.

57- Fiz vestibular na Federal e alcancei a média em tudo, menos em matemática e física. ¬¬

58- Gosto de política. Sou daquelas que assistem horário eleitoral, lembram das promessas dos canditatos e pensam muito antes de votar.

59- Meu incentivo para ler não partiu da escola. Partiu do pouco tempo que meu pai viveu comigo através de gibis da Mônica e livros de histórias.

60- Apesar da minha aversão aos números, já gabaritei provas de matemática. Mas de Física não!rs

61- Sou palhaça ao extremo, moleca ao extremo e teimosa na medidaaa! E costumo ter bom humor.

62- Uma coisa que me irrita -e muito!- chama-se falsidade.

63- Sobre amor novamente, me encanto fácil, mas sou difícil de me apaixonar e mais ainda de amar (amor a dois).

64- Embora eu seja extrovertida, não gosto de tumulto de gente. Fico zonza e dependendo até irritada.

65- Sou ansiosa demais. E exigente. Principalmente comigo mesma.

66- Já me roubaram simplesmente uns 4 celulares. As vezes penso que os assaltantes possuem um cadastro meu. Já perdi 1, no dia em que meu sobrinho nasceu eu estava tão ansiosa para descer no hospital que o telefone caiu do meu bolso no ônibus e eu não vi. A pessoa que achou não quis me devolver. ¬¬

67- Falando em perder, sou desatenta com algumas coisas, geralmente as menores. Vivo sem saber onde deixei meu óculos, por exemplo.

68- Sabia que eu nunca perdi uma chave?? ^^

69- Pessoas inteligentes me prendem. As estúpidas me afastam e as cínicas me repelem.

70- Odeio andar de guarda-chuva.

71- Tô cansando de escrever e já nem sei mais o que falar de mim. Mas comoijá estou no 71, não vou parar...!

72- A pessoa que mais admiro com certeza é Jesus. Também costumo admirar e reconhecer as pessoas ao meu redor, que por sinal são (na sua maioria) maravilhosas.

73- Quando fiz o blog não imaginei que conheceria tanta gente. Hoje isto me deixa muito feliz, pois descobri amizades e cresço muito com elas e com cada comentário.

74- Nunca consigo ficar sem ler. Preciso sempre estar lendo um livro por mim e um livro da Bíblia. Atualmente estou lendo "O Processo" (Kafka) e o livro de Marcos (Novo testamento), mas também babando em cima de dois livros sobre a história da dança que catei na biblioteca da faculdade e umas poesias "flor-belas". ^^

75- Dia 5/12 tenho a apresentação de fim de ano do ballet. Novidade? Torci o pé no domingo e estou me recuperando por mim (gelo, pomadas e tensor). Tá melhorando!

76- Desta vez não torci o pé numa escada, foi dançando mesmo.

77- Sei ser irônica quando quero. E dificilmente deixo uma provocação sem resposta, embora não ofenda.

78- Já me perdi na praia e fui encontrada por gente que nem sabia quem era. É que minha mãe tinha mobilizado todas as pessoas para me procurar!

79- Sou ciumenta, mas para mim mesma. Como? Simples, não falo do meu ciúme.

80- Tem dias em que eu me acordo simplesmente irritada. E se não passa sou eu mesma quem me agüento, poupo os outros... (Apesar que meu namorado sempre me agüenta!)

81- Eu falo comigo mesma (não me ache louca!). E o mais engraçado é que não costumo me ouvir.

82- Tenho uma simpatia enorme por crianças. Amo trabalhar e interagir com elas. Talvez porque eu ainda seja um pouco assim...rs

83- Justamente por esta simpatia, pretendo ter filhos. E também quero adotar, o que é um desejo antigo.

84- É complicado falar de um estilo de música favorito. Isto porque admiro mais de um. MPB, rock, enfim...

85- Eu não costumo falar de meus sentimentos.

86- Amo assistir um bom filme. Cinema para mim é um dos melhores programas.

87- Amo dar risada. De tudo que me dá vontade de rir.

88- Sou apaixonada por queijo. Tudo que o contém.

89- Gosto mais de salgados que de doces.

90- Falando nisso, estou sempre tentando começar uma dieta, mas nunca consigo.

91- Textos que desviam das idéias comuns escritas na linha do óbvio me fascinam.

92- Textos que escrevem idéias comuns com um "quê" diferente também.

93- Eu sou a luta constante entre uma menina risonha e uma velha rabujenta. Para manter a harmonia de mim, eu as equilibro.

94- Sou pontual e me irrito com atrasos. É que eu detesto esperar...

95- Para mim, uma coisa horrível de se fazer para uma mulher é elogiar seu corpo antes da sua alma.

96- Outra coisa horrível: Dizer que isto é o que ela tem de melhor.

97- Odeio superficialidades.

98- Acredito que muitos dos problemas do mundo são causados pela falta de Deus. Porque o homem, quando se encontra com Deus, torna-se alguém melhor.

99- Jaya, tô quase láááááááá!

100- Se eu tivesse que me definir numa palavra acho que seria poesia. Não que eu seja a poesia (longe disso!) mas porque poderia ser sujeita a várias interpretações e ainda assim guardar meu real significado.

101- Já sofri demais, mas aprendi que há em mim algo que é só meu. E desde então preservo, construo e alimento isso.

Se você conseguiu ler até o fim, parabénsss! Eu demorei alguns dias, mas fiz...
Repasso para todos que me lêem!
Um beijo!

10 Piruetas.:

jeffao_araujo disse...

Confesso:
li até o 33 direto, mas depois fui pulando-hehe-foi mal.
mas amei conhecer-te mais um pouco.
bjus

... disse...

Que bonito te ler...
Tive alguns sentimentos e vontades enquanto lia - quis comentar alguns dos tópicos, mas seriam muitos e hj preciso fazer algumas coisas no meu trabalho (rs); quis fazer uma lista dessa pra mim, mas acho que já me exponho demais no meu blog (diferente de vc todos os meus textos tem um pouco de mim); achei belíssimo o comentário nº.100

"Se eu tivesse que me definir numa palavra acho que seria poesia. Não que eu seja a poesia (longe disso!) mas porque poderia ser sujeita a várias interpretações e ainda assim guardar meu real significado."

Mais uma vez digo que gostei muito da sua auto-descrição. Não que o gostar ou não do leitor deva fazer diferença. Todo mundo tem sua beleza, mesmo que esta não seja percebida pelo olhar das outras pessoas.

Abraços Karine!

Jaya disse...

Ká,

Tu é uma coisa fofa! Fui te lendo atentamente. Imaginando teus gestos, teus sentimentos, teu jeito de olhar enquanto falava. Sorrindo. Séria.

A gente tem algumas coisas em comum, sim. A exemplo? Os Backstreet Boys. Rs. O meu preferido era Kevin, a gente nem ia brigar! Rs. Eu gostava de Chiquititas e namorava o Mosca. Dá licença? Haha.

Das diferenças? Você, toda sociável. E eu tímida. Calada. Você perdoando fácil, e eu, sem nunca mais conseguir ser a mesma com aquela pessoa. O fato de você amar fácil, e eu, o contrário. O cor-de-rosa, que não me atrái. Eu gosto mesmo é do azul!

Adorei a tua idéia de vender versos! Haha. Ri demais. E o violão, que eu arranho, também. Parei por pura birra com o professor. E tua idéia de criação do blog, é linda.

Te desejo a sorte do mundo todo com tua apresentação dia 05. Pode ter certeza que você vai estar 100% até lá, Ká. Vai demais! (:

No quesito ciúmes, a gente é igual. Maaas, eu deixo escapar, às vezes. Haha. Eu também gosto mais de salgados do que de doces. Uhuuu!

Sobre o item 99. Miacabei de rir! Hauhauhua Tadinha de vocêeeee!

Bom demais te ler 101, vezes dona moça! Linda tua alma de bailarina. Dançei.

Te beijo, um tanto.

Jaya disse...

P.S.: Espaço em meu coração, você já tem, também. E eu até deixo você dar piruetas! (:

Pri C. Figueira disse...

Li tudinho, tudinho..rs

Amei ler você, sorri e me vi muuuitos tópicos, podia comentá-los, mas isso se tornaria extenso!!
Com um pouco de paciência, tempo e depois de pensar um pouco (pois como é dificil falar de nós mesmos!), eu faço..rs!

Bjus linda, muitas saudades tuas!

Junkie careta disse...

Meu Deus ! como vc conseguiu?
Eu nem sei tantas coisas assim de mim!(rsrsrs).
Tô me sentindo quase de casa.
De todas , a melhor foi ser escritora mercenária na 4a série!já pediu perdão pra Jesus por isso?

Bom,quando tiver um tempinho, apareça no Spleen rosa-chumbo.Nesse último post, eu falo dos limites entre o real e o imaginário no mundo virtual, falo sobre sentir-se íntimo de alguém pelo que ela escreve,especialmente aqui na blogesfera...

Acho que vc vai gostar.

Grande abraço

Glau Ribeiro disse...

Ká,

Delícia essa coisa de escrever 101 coisas! rs. Jaya também lançou desafio e eu ando tentando escrever, to quase lá! hohoho.

Xô contar! Tanta coisa em comum, nós temos. Os Backstreet Boys! Ainda tenho todos os CD's e meu favorito era o Nick juntim do Brian! Se bem que Kevin tinha os olhos mais lindos e o sorriso mais misterioso. Em compensação o jeito do A.J. também era um dengo. E carinha de menino do Howie? Ai que difícil! hahaha!

E nas Chiquititas eu era a Mili!!

E gosto de rosa apesar de gostar de um monte de cores.

E A-M-O queijo. Mineirinha né? Nem podia ser diferente. E óóóó... vem pra cá que te levo pra comer o melhor queijo de todos, na fábrica! Hummm... =)

E já vi um tanto ai de afinidades nossas.

Mais linda pra mim, você agora é. Bom dimais te ler tanto assim.

Beeeeeijo!

Glau Testes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Glau Ribeiro disse...

Ká,

Minhas 101 coisas já estão postadas. Ufa! Consegui. Passei madrugada desenhando e colorindo os cantinhos. hahaha!

A Jaya tava quase postando por mim e eu pedindo pra ela esperar um pokim. =)

Espia lá.

Beeeeeeeijo!

Anônimo disse...

Ká,

Tu és apaixonante!

As pessoas insistem em dizer que o "mundo não é cor-de-rosa", como pensamos. De fato, não é, mas que bom que existe pessoinhas como você, que conseguem "colorir" nossos dias!

P.S: me apaixonei!!

Beijos

 

Blog Template by BloggerCandy.com