quinta-feira, 12 de junho de 2008

O teu abraço.

Depois que senti teus braços rodearem minha vida, o adeus tornou-se chegada. E todo aquele breu que me habitava deu lugar ao simples canto do teu andar, composto de passos tão densos, de falas tão ricas, de traços cor-de-sol. Foi ali, no teu abraço, que juntei minha estrada ao rumo dos teus mares, criando assim um só espaço, um só lugar.
E então eu entendi. Antes de você, os outros são só sombras, e não há depois que cale meus olhos como o nosso presente. Eu era saudade de mim, pois sou em ti o completo de meu eu. E todas as palavras que já disse, todos os versos que já fiz, foram deslocados da correta estação. Tu és meu inverno, cheio de abrigos; e eu sou teu minuano, desenhando nossa história nos céus de agosto, levantando folhas de teu caminho, mas ainda assim te seguindo. Só em ti tenho minha perfeita atuação.
Canta para mim, Amor. Faz melodia dos meus dizeres... Pois o "eu te amo" limita e persegue a boca dos amantes, fazendo com que tanto de mim queira se prender em tão pequena expressão. Não mais a quero utilizar. Faz-me vivê-lo de forma pura, de essência sublime, de real porquê. Dança as palavras ao redor do texto, faz ciranda nos olhos de quem decifra, confunde quem te tenta defraudar. E assim deixe-me eternizar o momento do abraço daquele que me deste, para que dali eu possa exalar teu mais rico perfume.


8 Piruetas.:

Mr. Ziggy disse...

Ká,

Esse seu texto ficou lindo! Eu não me lembro bem da época, mas ele me lembrou aquelas obras que a gente estuda nas aulas de Literatura, em que a Musa responde aos versos do poeta apaixonado. Se não me engano, tem a ver com o Arcadismo, que não mais está tão fresco em minha memória...

Saudade dos romantismos daqui... tenho sentido falta de viver algo do tipo.

Bjos!

Zy

Gldbzn disse...

Meu amor... que lindo!!
Adorável surpresa para este dia tão especial...

ps.: me aguarde... rs

bjus

Andréia disse...

que delicia neh? rsrsrs

saudades daqui..

vc curte msm dança n é? é bailarina?

beijos fofa e tuuudo de bom

Lucas disse...

Lindissimo o texto... vc brinca bem com as palavras. Lindo Lindo!
Obrigado pelo comentário no meu blog
abraços

Filipe Garcia disse...

Encantador, Karen.

Suas palavras são sempre muito confortáveis e ternas. Quando você escreve bonito assim eu até volto a ter saudade daquela que ainda não chegou, mas foi desenhada no colo de Deus pra encontrar meus caminhos.

Um abraço.

Alice disse...

Oi menina... que lindo !! adoro ler-te !1

bjkass pra vc

Andréia disse...

te indiquei um Meme..

ate+

Jaya disse...

Ká,

Os abraços e seus poderes. O amor e seus enfeites. Palavras bordadas em flores, essas tuas. Dá vontade de ler todo dia.

Lindo e pronto, não tem mais o que ser dito.

Beijo meu pra você!

P.S.: Não some tanto assim, não!

 

Blog Template by BloggerCandy.com