quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Tem dias...

Tem dias que eu simplesmente daria meu mundo para entender pelo menos um pouco de mim mesma...!
Onde foi parar tudo que ainda ontem pensei? (silêncio)
Tem dias que eu daria tudo só para que Deus me mostrasse o que virá depois do nevoeiro.
Dias em que tudo que eu queria era uma pomba que trouxesse um galhinho da terra que pisarei depois do dilúvio...
Dias em que queria comigo um Josué ou um Calebe que me animassem a permanecer diante dos gigantes...
Dias em que queria as pedrinhas de Davi... e a coragem também...
Tem dias que eu daria meu mundo para ter a paciência de Jó. Dias em que eu simplesmente queria ser tomada como Enoque...
Dias em que eu queria a carruagem que levou Elias...
Dias em que eu também queria flutuar um machado das águas como Eliseu!
Ha, dias em que eu precisava da ousadia de Débora! Da perseverança de Rute! Da doçura de Ester...
Dias em que eu queria a simplicidade de Maria, a força de Sansão...Para que, mesmo com consequências de dor, empurasse as paredes!!!!
Há dias em que eu queria a prudência de Daniel e a sabedoria de Salomão...
Queria a valentia de Pedro... a longanimidade de João, as palavras de Paulo...
Em que eu queria ser a mulher que tocou as vestes, a menina que foi levantada do leito de morte!
Mas mais do que isso...há dias, e nestes eu falo todos os dias, em que eu queria ser como Jesus.
Há dias em que amanheço tão bem... há outros que o dilúvio se derrama! Ainda bem que há uma voz que me manda andar sobre as águas, e me puxa caso eu enfraqueça!
...Tem dias que eu daria simplesmente meu mundo para entender pelo menos um pouco de mim mesma!
Afinal, por que é tão complicado viver?

0 Piruetas.:

 

Blog Template by BloggerCandy.com